Dicas para decorar salas de estar


Campeã em pedidos de consultoria, a sala de estar é o primeiro ambiente que o cliente se preocupa na hora de decorar a casa. É até fácil de entender afinal, é o primeiro lugar que nos deparamos quando abrimos a porta da rua. É também o local onde recebemos nossos amigos e familiares e passamos horas curtindo em frente a TV.

Mas a grande dúvida é : por onde eu começo??


1 COMO EU USO ESSE ESPAÇO ?

Essa é a primeira pergunta que se deve responder antes de sair comprando móveis por ai.

Analise com base na sua rotina e seus hábitos pessoais de que maneira você utiliza esse ambiente. Ele pode servir apenas para relaxar após o trabalho, para receber grupos de amigos aos fins de semana, para ver tv, estar com a família enfim, dependendo de suas respostas você irá descobrir os tipos de móveis que vai precisar comprar para compor esse espaço e atender essa demanda.

Por exemplo: se sua sala é muito utilizada por amigos , ou se você costuma chamar os familiares para um almoço de domingo e precisa acomodá-los bem na sala, precisará prever vários assentos no sofá e poltronas, certo? Essa é a idéia!



2 SALA DE ESTAR X SALA DE JANTAR

Na maioria dos casos hoje, as salas de estar estão integradas com as salas de jantar. Nesse caso, você deve pensar na decoração de uma forma global, considerando os dois ambientes. Dessa forma você terá um espaço harmonioso onde um completa o outro.

O estilo, seja qual for o escolhido , deve se repetir nos dois ambientes através das cores, tipos de mobiliário, detalhes de acabamento, etc.



3 LAYOUT

Esse passo é um dos mais importantes, em nossa opinião. E ele está muito relacionado com o ítem número 1. Imagine que você goste de receber amigos e não seja muito fã de televisão. Nesse caso não faria muito sentido distribuir o layout da forma mais tradicional que existe hoje em dia: um grande sofá virado para a tv e duas poltronas laterais, certo?

Para você , o ideal seria que o sofá e as poltronas estivessem frente a frente para que pudesse conversar com seus convidados. Uma mesa lateral é necessária para o apoio dos copos com aquela bebida gostosa que vai ser oferecida... e por aí vai...

Cuide também para as circulações. Elas precisam ser confortáveis e de acordo com o tamanho das pessoas que frequentam esse ambiente. Nada mais chato que ficar batendo o mindinho nas quinas dos móveis não é mesmo? Ou ter que dar a volta na poltrona e desviar da mesinha para chegar até a porta. Parece até corrida com barreiras!!


4 QUAL O SEU ESTILO ?

Se você está aqui lendo esse post, muito provavelmente se interessa por decoração e já viu ou acompanha revistas e sites sobre o assunto. Sem falar em Pinterest.

Nessas buscas , com certeza, deve ter separado ideias e inspirações que mais lhe agradaram, certo?

Bem, se isso não for verdadeiro, recomendo que comece a fazer agora. Separe imagens que lhe agradam e, procure identificar qual a semelhança delas que o fez escolher essas determinadas imagens.

Dessa maneira, você será capaz de identificar um estilo que mais combina com você.

Esqueça os modismos, a casa das celebridades e foque naquilo que realmente representa quem você é.

Gosta de ambientes monocromáticos? Minimalistas? Contemporâneos? Clássicos?

A nomenclatura não importa. Importante é saber identificar quais elementos compõem esse estilo que te agrada.

A partir dai, procure por móveis e objetos decorativos que se encaixem nessa idéia. Por outro lado, quebrar certos paradigmas pode fazer o ambiente ficar mais interessantes. Como exemplo, para uma decoração mais contemporânea e descontraída que tal uma poltrona Luis XV só para causar? Pense nisso!



5 COMPRANDO OS MÓVEIS

Já sabe como será o layout e o estilo que vai seguir, chegou a hora de escolher os móveis.

Independente das suas escolhas até aqui, algumas informações são importantes para você não errar na mão.

Um dos grandes erros que as pessoas cometem está na escolha do sofá. Focados única e exclusivamente no conforto, elas tendem a comprar os maiores estofados disponíveis no mercado. Muitos inclusive tomam conta do espaço todo e mal passam na porta.

Esse é um erro muito comum, nem sempre o maior sofá é o mais confortável. Eles acabam se tornando grandes elefantes brancos dentro da decoração.

Elimine o preconceito e procure por opções mais leves , preferencialmente com pés elevados , braços menores , linhas mais retas e verá que existem muitas opções com essas características muito confortáveis também.


Alias, porque um grande sofá onde todos ficam lado a lado e não podem se olhar? Porque não um estofado menor e poltronas confortáveis ao redor?

Tenha em mente o tamanho da sua sala e escolha móveis na proporção correta. Se sua sala for pequena, opte por mesinhas de centro mais estreitas, móveis arredondados que evitam acidentes, etc.

Dá uma olhadinha no post sobre os maiores erros na decoração onde falamos bastante sobre proporção!


6 PLANOS VERTICAIS

Pronto, definido os móveis mas e as paredes.. o que fazer com elas?

Sobre elas, o que recomendamos para quem não é profissional no assunto, é escolher o ponto focal do ambiente. Aquela parede de destaque , onde você poderá escolher entre uma cor diferente ou um acabamento específico.

Muitas pessoas elegem a parede da TV como o seu ponto focal. Não necessariamente precise ser ela. A escolha é sua para onde você quer chamar a atenção nesse espaço.

Aí então as opções de acabamentos são muitas: papel de parede, revestimento 3d, pedras, uma cor vibrante, enfim.. vai do gosto e do bolso.

O restante das paredes podem ser trabalhadas com quadros, prateleiras, nichos e diversas outras opções que você pode se inspirar na internet.


7 COMPONDO A DECORAÇÃO

Para criar um ambiente aconchegante e confortável, além dos móveis tradicionais de uma sala de estar, é interessante compor com elementos decorativos que criem essa atmosfera.

Aí entram as almofadas, tapetes e cortinas.

As almofadas além de proporcionarem conforto ao sentar, também possibilitam um efeito decorativo muito interessante através de suas composições e texturas. Por serem elementos de custo baixo, a decoração da sua sala pode mudar bastante apenas trocando as capas das almofadas.

Não economize na quantidade e nos padrões. Monte as composições na loja mesmo e tenha certeza como ficarão antes de comprar. Use tecidos e estampas diversas seguindo um esquema de cores que domine o seu ambiente.


Os tapetes também são itens importantes nessa composição. Cuide para a questão da proporção dentro do ambiente. Ele não deve ser restrito ao tamanho da mesa de centro e também não deve atrapalhar a abertura e fechamento das portas.

Tem coisa mais feia que uma ponta de tapete sempre dobrada? Também já falamos deles no post sobre erros de decoração.


É preciso saber conciliar a questão das estampas dentro de um ambiente, por isso se já tiver utilizado muitas estampas nas paredes, estofados ou nas almofadas, opte por tapetes lisos.

Se sua sala é grande e um tapete só custaria muito caro, você pode optar por usar dois tapetes menores sobrepostos. É um recurso muito usado atualmente, já fizemos post sobre isso também.

Por fim as cortinas. Cortinas de tecido dão um aspecto mais sofisticado e aconchegante ao ambiente se comparado as persianas. Seu uso correto prevê que o tecido encoste levemente no piso e que ele tenha dimensão suficiente para, ao ser fechada, continuar com as dobras.

Se no seu caso, é impossível ter uma cortina até o piso procure utilizar persianas de tecido do tipo romana. Nesse caso ela terá o tamanho do vão da janela.


8 OBJETOS DECORATIVOS

Nessa hora que você pode usar e abusar dos objetos de decoração que fazem parte da sua história. Sim , as lojas estão cheias de opções bacanas e não tem nada de errado nisso.

Mas se você quer uma decoração personalizada que tenha uma conexão profunda com você , procure usar aquilo que já possui e que muitas vezes fazemos mal uso por não sabermos como expô-los.


Por exemplo, uma peça de louça herança de família pode servir de cachepô para uma suculenta, o chapéu do seu avô substitui lindamente um quadro qualquer de uma loja. As recordações de viagem, os porta-retratos. Isso que chamamos de decoração afetiva!

9 MAIS VIDA COM AS PLANTAS

Vasos de plantas são excelente opção de objeto decorativo que, muitas vezes, tem um custo bastante interessante e além de tudo dão vida ao ambiente.

Se você não está lá muito acostumado com esses serezinhos que sim, precisam de cuidados, procure pelos cactos e suculentas. Eles dão menos trabalho, são baratos e deixam a decoração muito descolada. Quer saber mais, procure pelo post que fizemos sobre elas.



10 ILUMINAÇÃO

Já falamos diversas vezes sobre isso e vamos repetir. Um bom projeto de iluminação pode transformar seu ambiente num lugar super agradável ou super incômodo.


As pessoas tendem a se focar apenas no ponto de iluminação central do ambiente. Essa iluminação geral pode até clarear o espaço de maneira eficaz mas não cria os cenários adequados para um ambiente aconchegante como uma sala de estar deve ser.

Por isso, recomendamos que se utilizem as arandelas, abajoures de piso ou de mesa e outras formas de iluminação indireta que tragam essa sensação para sua sala.


Essas foram algumas orientações para quem pretende redecorar a sala de estar. Lembre-se que existe sempre a ajuda de um profissional que poderá dar dicas mais personalizadas e idéias direcionadas evitando gastos desnecessários.

Imagens: (Pinterest)


131 visualizações

Siga-nos

  • Pinterest
  • Facebook
  • Instagram

R. Nardy Muller da Costa, 185 CS 12 - Curitiba - PR - 81220-060

Prazo médio de entrega 15 dias úteis

©2020 Desenvolvido por Conexão Cool